As vezes quando estou só

Sem os meus amigos

A todo tempo passo olhando o céu

E fico pensando como foi que te perdi

E me pergunto o que farei

Nesta solidão, tão só

Como eu poderia advinhar

Onde foi que eu errei, será que

Mais uma vez não fui cavalheiro

Diz-me porque ,a nossa

Historia foi só tristeza

Sera que o nosso destino

Nao conscide, nem mesmo

Eu sei justificar.

Por favor não me deixe caido

Da-me a tua mão

Da-me a tua mão

Preciso estar tanto contigo.

Ao ritmo romântico do meu

Walkman fico viajando até

Chego a te ver chegando .

Tao perto da realidade me sinto

E quando te abraço desaparece

A tua imagem.

Autor:mepo Caliheria/ 2006